Sessenta fotos estão em cartaz no Centro Cultural do Legislativo (CCL), na Avenida Rui Barbosa, 197, no Centro, de 9h às 17h.

Até o dia 27 de janeiro, a população de Macaé, no interior do Rio, poderá curtir e viajar no tempo graças à exposição “A Vida Sem Fotografia É uma Vida Sem Memórias”.

Sessenta fotos estão em cartaz no Centro Cultural do Legislativo (CCL), na Avenida Rui Barbosa, 197, no Centro, de 9h às 17h.

Segundo a Prefeitura, as fotografias foram clicadas por autores como Solon, o primeiro fotógrafo de Macaé, e por Manoel Olive, servidor aposentado da Câmara de Vereadores.

Fotografias foram clicadas por autores como Solon, o primeiro fotógrafo de Macaé, e por Manoel Olive, servidor aposentado da Câmara — Foto: Divulgação/Prefeitura de Macaé

O dirigível zeppelin foi clicado em 1937 nos céus da cidade, por Solon. Há várias fotos em preto e branco de construções antigas em Macaé.

Dezenas de casas antigas foram registradas pelo fotógrafo Manoel Olive, de 79 anos. “Meu objetivo é mostrar à juventude as belezas da cidade antigamente. Minha geração valoriza as impressões dessas fotos, relíquias para registro humano e social, de uma Macaé do passado”, contou.

A exposição tem entrada gratuita.