Eu acho que nós, fotógrafos, somos profissionais privilegiados por muitos motivos, mas principalmente por saber olhar o mundo com bons olhos.

Enxergamos o mundo de um jeito diferente, percebemos as cores mais vivas, aquela luz bonita invadindo uma cena. Ah, definitivamente somos profissionais especiais!

Mas no momento que escolhemos a fotografia como profissão, algumas coisas chatas chegam como consequência da nossa escolha. Afinal, nem tudo é um mar de rosas. O fato é que, de alguma forma, nos frustramos, perdemos um pouco da magia de fotografar quando vestimos a camiseta de “fotógrafo profissional“. Horas fotografando (muitas vezes algo que não gostamos), mais algumas horas na frente do computador editando e tratando, respondendo e-mails de orçamento. Tudo vira motivo para reclamar. Reclamamos em segredo do cliente, reclamamos do “concorrente“, reclamamos do vizinho e do cachorro do vizinho. Blá, blá, blá… Mas chega disso!

eduardo-m-vieiro-fotógrafo feliz-blog amo ser fotógrafo
© Eduardo Vieiro

Você quer ser ou continuar sendo um fotógrafo infeliz, chato e frustrado? Pois eu não. Foi procurando a resposta para a pergunta, “qual o segredo para ser um (a) fotógrafo (a) feliz?” que encontrei 12 respostas que servem perfeitamente como bons conselhos a serem seguidos na nossa rotina. Quero você com a cabeça aberta e com o espírito de mudança. Combinado? Não precisa de lápis e caneta pra anotar, porque no final dessa página você poderá fazer o download de uma arte super bacana com esses 12 conselhos. Imprima e coloque num lugar especial no seu escritório, na casa, em qualquer lugar que você possa ler todos os dias!

  1. Encontre algo ou alguém que te motive a sempre fotografar;
  2. Não se abale com as críticas negativas. Foque só no que realmente vale à pena;
  3. Lembre-se de quando você tinha acabado de comprar sua primeira câmera… Você fotografava sem pressão, fotografava por amor;
  4. Deixe a câmera um pouco de lado e pare para prestar atenção no mundo ao seu redor;
  5. Enquanto estiver fotografando profissionalmente, não esqueça dos seus princípios, das suas paixões e vontades;
  6. Não se condene por um erro. Até os grandes mestres da fotografia já cometeram suas gafes. Só não repita o erro!
  7. Escute sua mãe quando ela diz para sair um pouco da frente do computador. Há tanta vida lá fora esperando pra ser fotografada;
  8. Ei, também te aconselho a não se encher de referências e inspirações. Esse excesso de informação pode confundir suas ideias e te fazer perder o foco no seu estilo. Veja e observe, mas faça o seu, do jeito que você gostar;
  9. Não se prenda tanto às regras que você aprendeu. É importante saber da existência delas e de como colocá-las em prática, mas muito mais importante que isso é se arriscar a fazer algo novo;
  10. Faça bons amigos. A amizade é um incentivo muito especial para fotografar. E, claro, fotografe seus amigos;
  11. Não escolha ser fotógrafo por dinheiro;
  12. Um fotógrafo só é feliz fotografando, não é mesmo? Então, fotografe! Fotografe muito, fotografe quando sentir seu coração batendo mais forte e viva dentro de cada fotografia nova que fizer. Seja um fotógrafo de alma, coração e luz!

Se esse artigo foi útil par você não deixe de compartilhar e comentar aqui em baixo, se tiver mais alguma dúvida ficarei feliz responder.