Exposição apresenta imagens capturadas por Sebastião Salgado durante a Revolução dos Cravos.

São 50 fotografias inéditas capturadas durante o período em que o fotógrafo brasileiro residia em Portugal.

Uma jovem avança descalça sobre o asfalto, seguida de perto por outras três crianças, à frente de um grupo de soldados. Capturada em 1974, na cidade do Porto, Portugal, essa imagem foi registrada por Sebastião Salgado, fotógrafo brasileiro. Ela testemunha a união entre a população e o Exército na derrubada do regime ditatorial que reinava desde 1926.

A perspectiva de Salgado sobre os acontecimentos da Revolução dos Cravos, como o movimento ficou conhecido, estará disponível em uma exposição que inaugura em 10 de maio no Museu da Imagem e do Som (MIS), na zona oeste de São Paulo. As 50 fotografias são inéditas no Brasil.

As fotos destacam elementos cruciais da revolução, como os ideais socialistas que levaram à nacionalização de parte das empresas do país.

Em uma imagem capturada em Alcácer do Sal, no Alentejo, trabalhadores ocupam a sede de uma fazenda. O contraste é evidente entre o grupo e a opulência dos móveis e da família proprietária, retratada ao fundo em um quadro com um cavaleiro em trajes nobres.

Os choques culturais também são visíveis no cenário onde uma mulher, envolta em trajes negros da cabeça aos pés, passa diante de desenhos dos rostos dos teóricos Friedrich Engels e Karl Marx (destaque da imagem). Nas janelas, de estilo tradicional, notam-se adesivos do Partido Comunista Português.

Revolução dos cravos, 50 anos: O movimento

Em 25 de abril, Portugal celebrou os 50 anos da Revolução dos Cravos, que marcou o fim da ditadura. Desde a instauração do Estado Novo, em 1926, o país vivia sob esse regime, agravado pela Constituição de 1933.

De 1932 a 1968, o ditador António de Oliveira Salazar governou o país. Com sua morte, o regime enfraqueceu, sendo sucedido por Marcelo Caetano até sua queda com a revolução.

O movimento que encerrou a ditadura em 25 de abril de 1974 foi liderado por militares, muitos dos quais haviam lutado nas malsucedidas guerras coloniais que visavam manter as colônias africanas sob domínio português.

A revolução ficou marcada pela imagem dos soldados que adornavam suas armas com cravos.

Publicidade
Redação
Redaçãohttps://amoserfotografo.com/
Notícias, tutoriais, equipamentos, dicas… Tudo Sobre o Mundo Da Fotografia para entusiastas.

HOT NEWS

HTML tutorial