Fotógrafos amadores e profissionais já podem se inscrever no “3º Concurso de Fotografia MPPB e Direitos Humanos”, a partir de segunda-feira (11).

O edital do prêmio foi publicado no Diário Oficial Eletrônico da instituição, na última sexta. São três categorias: “Profissional”, “Amador” e “Membro e Servidor”. As inscrições ficam abertas somente até a  próxima quarta-feira (20) e devem ser feitas por preenchimento de formulário.

São três categorias: “Profissional”, “Amador” e “Membro e Servidor”

Veja o edital: Diário Oficial do MPPB (página 4)

O evento integra também a programação da 2ª Semana do Ministério Público (SMP), que começa em 9 de dezembro e é encerrada no dia 14, quando se comemora o Dia Nacional do Ministério Público.

O concurso foi autorizado pelo procurador-geral de Justiça, Francisco Seráphico Ferraz da Nóbrega Filho, com o objetivo principal de incrementar o conhecimento da sociedade sobre o trabalho do Ministério Público, promovendo a conscientização da população sobre seus direitos fundamentais; incentivando a prática do controle social e valorizando trabalhos de fotógrafos amadores e profissionais, no Estado.

Tema do concurso

O tema do concurso refere-se à Declaração Universal dos Direitos Humanos, promulgada pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 10 de dezembro de 1948. Ao produzir/selecionar uma fotografia para o concurso, se espera que o fotógrafo (profissional ou amador) reflita como representar um direito (garantido ou violado), reconhecendo que pode haver uma atuação do Ministério Público para a sua manutenção ou para cessar sua violação. Ao ver uma fotografia relacionada ao tema, as pessoas também poderão refletir mais sobre seus direitos.

Veja também: Concurso de fotografia premia melhores ‘flagrantes’ na natureza; confira 15 cliques finalistas

Por isso, as fotografias devem estar relacionadas às garantias ou violação dos direitos à vida; à liberdade de ser, agir e ir e vir (contra a escravidão em todas as suas formas); à segurança pessoal e social; ao trabalho em condições justas; à saúde; bem-estar; aos cuidados médicos; à alimentação; ao vestuário, à habitação; à maternidade e à infância; ao repouso e lazer; ao ensino e à educação; à cultura e à arte; à igualdade entre homens e mulheres; ao respeito entre os povos, sem distinção de religião, raça, cor, sexo, língua ou condição social; ao acesso aos tribunais e ao cumprimento das leis; ao direito à privacidade na sua família, no seu lar e na sua correspondência; ao acesso aos serviços públicos e à promoção da paz e da fraternidade, entre outros direitos humanos.

Imagens da PB

As imagens devem ser feitas no Estado da Paraíba. A categoria “Profissional” é exclusiva para fotógrafos profissionais, com comprovada atuação na área. A “Amador” é aberta a todas as pessoas que não sejam profissionais da fotografia.

A terceira categoria “Membro e Servidor” é destinada a apenas para membros, servidores (efetivos da ativa ou aposentados, comissionados, cedidos e terceirizados) e estagiários do MPPB. A premiação deve ser divulgada ainda esta semana.